Dina Reis

Tem sido uma experiência desafiante trabalhar com crianças tão especiais como as da Casa Azul, não só pelas diferentes necessidades que enfrentam, como também o duro contexto familiar e cultural onde crescem e vivem. É por isso um trabalho moroso, recheado de pequenas imprevisibilidades, que acompanha gerações e que traz verdadeiros benefícios à comunidade. 
Adorei poder fazer parte deste projeto incrível e da oportunidade de acompanhar as valentes Stefania e Marta que batalham diariamente para tornar isto tudo possível.
Só espero que possa servir de exemplo a outros projetos: que se espalhe esta bonita semente de esperança!

ABRAÇO




Dina Reis: Voluntaria portuguesa que reside em Pemba e acompanha o programa de Casa Azul Murrebue desde Agosto de 2018.

No hay comentarios:

Publicar un comentario